top of page

Dicas de Saúde

Captura_de_Tela_2019-06-05_às_19.42.35.p

Seu objetivo é ter uma vida longa e saudável?

Parar de fumar, ter alimentação balanceada e praticar exercício físico regular são hábitos saudáveis que você provavelmente já ouviu. Contudo, um dos segredos é aprender a desvendar a linguagem do corpo. Quando está em desequilíbrio, ele mesmo se encarrega de dar o alerta. Priorize cuidar também da sua mente. Se você tem algum sintoma, o melhor a fazer é consultar seu cardiologista. Nem que seja só para tirar a dúvida.

Captura_de_Tela_2019-06-05_às_19.42.44.p

É possível reduzir a pressão sem remédio? 

Sim, é possível! Mudanças no hábito de vida fazem parte do tratamento. Em hipertensos leves essa pode ser a medida suficiente para ajuste da pressão, enquanto que em hipertensos moderados/grave deve SEMPRE ser associado ao tratamento medicamentoso. A perda de peso é uma medida eficaz, assim como a redução de sal na dieta e exercício físico regular. Contudo, a tarefa mais difícil é dar continuidade as mudanças transformando-as em um hábito de vida. Tenha disciplina e procure seu cardiologista que seus objetivos serão alcançados!

Captura_de_Tela_2019-06-05_às_19.54.44.p

Desmaio. O que fazer?

O desmaio, também conhecido como síncope, pode ser definido como uma perda transitória da consciência, associada a incapacidade de manter-se na posição de pé.  A perda da consciência é resultado da diminuição da chegada de sangue no cérebro, a recuperação costuma ser rápida e o episódio pode ser precedido de tonteira, suor frio, dor no peito, náusea, vômitos, entre outros. As causas mais comuns de desmaio são benignas, mas você deve procurar o seu médico para fazer a investigação completa da causa. 

O tratamento imediato da síncope baseia-se em colocar a pessoa desacordada deitada com as pernas elevadas. Em caso de vômitos ou abalos, deve-se colocar a pessoa deitada e a cabeça posicionada de lado.

Captura_de_Tela_2019-06-05_às_19.42.28.p

Qual tipo de exercício e o tempo ideal para proteção cardiovascular?

O melhor exercício é o que você gosta de fazer pois assim, poderá dar continuidade e regularidade. Corrida, dança e luta são exercícios com alta demanda cardiovascular, enquanto, natação e hidroginástica são excelentes exercícios para quem tem problemas nas articulações. A recomendação da Sociedade Brasileira de cardiologia são 150 minutos semanais de exercício moderado. Estudos comprovam que a pratica regular postergam a sua idade biológica em até 15 anos, melhoram a capacidade cardiorrespiratória, além de ter benefício na diminuição da pressão, melhora da glicose e perda de peso. 

Meditação e Yoga apesar de serem atividades de baixa intensidade também são importantes para conduzir a um estado de paz e quietude, colocando você em contato consigo mesmo.

bottom of page